Vídeo: Nova pesquisa alerta que o café pode afetar a visão

Café, vilão ou aliado da saúde Foto: Ana Branco/29.02.2012


Depois de ser considerada aliada na redução de riscos de doenças cardíacas, derrames e diabetes, a bebida volta a ser considerada vilã

Beber mais de três xícaras de café por dia pode aumentar o risco de perda de visão e cegueira, de acordo com uma pesquisa americana.

Mesmo quantidades moderadas da bebida podem fazer com que a pessoa desenvolva o glaucoma.

O estudo, publicado no jornal “Investigative Ophthalmology & Visual Science”, sugere que os amantes do café devem reduzir o consumo da bebida para minimizar as chances de desenvolver os males.

O glaucoma ocorre quando os tubos de drenagem no interior dos olhos começam a ficar obstruídos. Isto impede que o fluido seja drenado adequadamente aos olhos, fazendo com que a pressão aumente. Isso pode danificar o nervo óptico, que liga o olho ao cérebro, e as fibras nervosas da retina (tecido nervoso sensível à luz que reveste a parte posterior do olho).

Pesquisadores, do “Brigham and Women’s Hospital”, em Boston, sugerem que os compostos encontrados no café podem aumentar a pressão dentro do globo ocular, causando uma alteração na visão, conhecida como síndrome de esfoliação, que pode levar ao glaucoma.

Apesar dos riscos relacionados ao café, os pesquisadores não encontraram nenhuma relação com outros produtos que contém cafeína, como refrigerantes de cola, chá ou chocolate.

Pesquisas anteriores descobriram que as populações escandinavos — grandes consumidoras de café — têm a maior ocorrência de glaucoma. O novo estudo avaliou mais de 120 mil pessoas, acima dos 40 anos de idade e que não sofrem de glaucoma, no Reino Unido e nos EUA. Os participantes responderam a questionários sobre o consumo da bebida e seus prontuários médicos foram verificados para analisar o histórico de glaucoma.

Aqueles que bebiam mais de três xícaras de café por dia apresentaram maior risco de desenvolver doenças relacionadas à visão do que as pessoas que não fazem consumo da bebida.

Mulheres com histórico familiar de glaucoma também apresentaram um risco elevado.

O café, porém, não atua apenas como vilão. Uma pesquisa publicada no início deste ano no “New England Journal of Medicine” revelou que o consumo de quatro a cinco xícaras da bebida, por dia, podem reduzir o risco de doenças cardíacas, derrames e diabetes, entre outros males.


Fonte: O Globo

Compartilhar
0

Categorias

Quer receber nossas dicas e novidades?

É só cadastrar seu contato aqui.