Vídeo: 5 doenças que seu oftalmologista pode diagnosticar – e você nem sabia

A oftalmologia é uma especialidade da medicina que diagnostica e trata doenças na região ocular. Por meio de uma série de exames específicos o oftalmologista pode diagnosticar cataratas, conjuntivite, glaucoma, descolamento da retina e ceratocone, dentre outros problemas que acometem os olhos.

No entanto, engana-se quem pensa que o médico realiza esses procedimentos somente para que o paciente enxergue melhor. O olho é um órgão com muitas terminações nervosas e vasos sanguíneos que permite o diagnóstico de doenças que afetam todo o corpo.

Exames rotineiros nos olhos podem significar mais que uma receita de receita de óculos ou colírio para melhorar a secura ocular. Eles são fundamentais para descobrir, em estágio inicial, problemas sérios de saúde.

Quer um exemplo? Uma enfermidade que o oftalmologista pode identificar pelos exames de rotina é a hepatite. A região fica amarelada, um sinal claro que o paciente pode estar com a doença.

O que mais o oftalmologista pode diagnosticar?

Além dessa, outras doenças podem se manifestar pelos olhos, fazendo com que o oftalmologista consiga detectar pelo menos seu início.

Veja cinco enfermidades que essa especialidade médica ajuda a diagnosticar:

1 – Câncer

Você sabia que um simples exame de vista pode salvar vidas? Acontece que sangramentos na retina podem identificar alguns tipos de cânceres, como linfomas e leucemias.

Tumores cerebrais são diagnosticados em virtude da mudança do campo de visão do paciente. Por meio de uma mancha específica, que só o oftalmologista pode diagnosticar, é possível detectar cânceres primários na mama ou na próstata.

2 – Pressão alta

Um sintoma muito característico da hipertensão é o olho vermelho. Nesse caso, ocorrem danos nos vasos sanguíneos, deixando as artérias enfraquecidas e estreitas.

Nem todo mundo que apresenta olhos vermelhos está com esse problema de saúde, claro. O efeito pode ser sinal de uma noite mal dormida, por exemplo. No entanto, ao persistir o sintoma, é bom acompanhar. Se o quadro não regredir, a cabeça começar a doer e a visão ficar embaçada, procure um médico o mais rápido possível.

3 – Diabetes

Um pequeno sangramento ou edema na retina costuma ser um dos primeiros sinais do diabetes. Esse sintoma aparece, principalmente, quando a doença está descontrolada, e o paciente apresenta glicemia alta.

Vale lembrar que, sem os cuidados necessários, a diabetes pode levar o paciente à cegueira. Por isso, o acompanhamento médico e mudanças de estilo de vida são imprescindíveis para que o diabético tenha melhor qualidade de vida.

4 – Lúpus eritematoso

Ardência, dor, coceira, sensação de areia nos olhos e ressecamento ocular fazem parte dos sintomas de lúpus. Trata-se de uma doença autoimune que faz com que as células de defesa ataquem as células sadias, provocando dores e inflamação nas articulações, pele, olhos rins, cérebro, coração ou pulmões.

5 – Toxoplasmose

A toxoplasmose é provocada por um parasita que se encontra nas fezes de gatos ou em alimentos mal lavados. Os sintomas podem ser parecidos com uma gripe ou resfriado: cansaço, febre e coriza.

No entanto, os olhos também são afetados, levando o paciente a ter dores, vermelhidão, aversão à claridade e aparecimento de moscas volantes.

Qual é o procedimento após o diagnóstico?

Manter uma rotina saudável e uma rotina de consultas e exames ajuda a prevenir muitas enfermidades.  O médico oftalmologista pode diagnosticar diversos tipos de doença, como as descritas acima, mas vai tratar os sintomas que estiverem relacionados à parte ocular.

Quando diagnosticada, a enfermidade deve ser tratada por um médico especialista, como oncologista, cardiologista, endocrinologista ou reumatologista, por exemplo.

Por isso, não deixe de visitar seu oftalmologista. Essa é mais uma forma de preservar a saúde dos seus olhos e de todo o corpo. Se você ainda não visitou o oftalmologista esse ano, não adie mais o compromisso.



Fonte: COA

Compartilhar
0

Categorias

Quer receber nossas dicas e novidades?

É só cadastrar seu contato aqui.